quinta-feira, 27 de agosto de 2009

eu sou desnaturada

... mas ela gosta de mim assim!!!
Sou um bocadinho convencida, mas é assim mesmo, juro!

Desde não-sei-quando (tenho que ir ali ver a data do 1º post... só uns segundos... volto já...... ok... 19 de setembro) escrevo neste coiso e, ao que parece, nunca falei da minha Bia, e por causa disso, recebi uma reacção destas:
"Falou para a Silvia, neste momento encontra-se a amuar, por favor deixe mensagem após o sinal, Obrigadaaaa (msg para ser lida com voz sexy)"
Por isso, e apesar de saber que as desculpas não se pedem, em jeito de compensação, tenho todo o prazer em postar um texto inteiramente dedicado à minha Bia.

Se não me lembrava da data do primeiro post, muito menos me lembro da data exacta em que nos conhecemos, dado que os mamutes ainda respiravam e já nós eramos as melhores amigas...
Atravessámos juntas a idade do armário, enfrentando lado-a-lado os adversários desses tempos. Distanciavamo-nos da maioria, admito, porque eramos diferentes, sempre gostamos de ter opiniões próprias. Pensávamos sobre a vida e o futuro mais que o habitual na nossa geração e apoiavamo-nos mutuamente em tudo o que nos dissesse respeito. Nunca pusemos de lado a nossa individualidade, e cada uma de nós tinha visões diferentes, constantemente debatidas, o que nos levou (acho eu) a crescer muito uma com a outra.
Ela sempre foi a que mais sofreu. Mas não acho que tenha sido apenas isso que a tornou quem é. De certa forma, acredito que a mulher forte e decidida que vejo hoje estava dentro dela desde que nasceu.
A dada altura, seguimos caminhos diferentes. Eu dediquei-me inteiramente ao meu rumo, mas nunca perdemos o contacto, nunca deixámos de assegurar que a outra estaria bem, ainda que menos íntimas que outrora.
Nos tempos de crise, procuramos sempre o nosso porto seguro. Ela é o meu.
É a minha outra mana, só de coração.
Felizmente, nos últimos 2 anos temos estado próximas como nunca, e ela é uma parte imprescindível da minha vida. Por isso é que não preciso de escrever mais sobre ela.

As verdades indiscutíveis são assim mesmo. Não carecem de comentários.


Ora toma!

3 comentários:

Bia disse...

Escreveu para a Silvia neste momento encontra-se a soluçar (de forma sexy tb claro) por favor deixe mensagem após o sinal, quando ela acabar com o stock de lenços, papel de cozinha, higiénico, blocos de notas, resmas de papel e etc... liga-lhe ;)

Tenho que dizer que hoje ao ler o teu blog fiquei comovida e lembrei-me que f$$%&# já há mto que não brinco assim, ando mesmo déprê...
Deu-me algum ânimo e deu-me 1 certa força sem dúvida...
Portanto Obrigada a ti e à tua manita que é 1 kida ;)

Quanto a nós, já sabes que gosto muito de ti, eu sei que às vezes consigo exigir mto de quem gosto o que pode ser complicado... mas qdo gosto, gosto a sério e estou sempre lá... Ñ só nos momentos bons mas nos menos bons tb ;)

you can always count on me

Bia disse...

Agora que já foi a parte sentimental... Bais apanhari!!!

Para " As verdades indiscutiveis blá blá blá. Não carecem de comentários"
Só te digo:

" A boca fala do que o coração está cheio!!"

Ora Toma toma toma !!! :)))

moça disse...

Por estas e por outras é que eu gosto de ti!

:P