quarta-feira, 7 de janeiro de 2009

Rir genuinamente

Se o mundo se sentisse acelerar de cada vez que rio de verdadeira felicidade, hoje teríamos todos, por breves momentos, passado todos os limites de velocidade!

Tudo graças a um único sorriso.
Há sorrisos e sorrisos, e sorrir não é difícil, pelo menos para mim.
Mas sorrir de genuína, pura e simples felicidade é algo tão precioso e tão raro que só poderia ser trazido por aquele deus - o das pequenas coisas.

Sorri graças a um sorriso, ao sentir que era feliz com a felicidade de alguém, ainda que desconhecido... e descobri que não há na vida melhor motivo para sorrir!
E que, se por momentos tivesse que fazer algo além de sorrir, falhava redondamente, porque por segundos, a única coisa que conseguia fazer era, tão somente, sorrir!

Obrigada!

Sem comentários: