segunda-feira, 27 de outubro de 2008

linda!



Fim-de-semana: podia ter sido melhor.

Estado de espírito: ligeiramente deprimido.

Razão: não vale a pena explicar, não merece!

Motivos para se preocuparem: nenhuns!

Saudade: hoje em particular (sem nenhuma razão em especial, só porque sim :P) da música... das tardes de ensaio... das conversas... de tudo o que é Púrpura...

Vontade de: praguejar! (por isso é melhor não escrever muito)

Pensamento do dia: Quanto mais conheço os homens, mais gosto de agrafadores!!!

Promessa a não cumprir: nunca mais volto a acreditar na bondade e na seriedade dos coiso!

Dúvida existencial: num mundo onde achamos que tudo é possível, e as pessoas são capazes de mudar tudo, como é que ainda ninguém se lembrou de inventar a assexualidade?

Agradecimentos:
- à minha pessoa preferida, mais-que-tudo, minha little-sister, que me enviou estas fotos mai-lindas que me animaram o dia,
- à restante família pelas razões óbvias (em particular à minha tia, que me ligou na sexta para eu poder falar com o meu afilhado lindo e me dá conselhos úteis, como "não engordes, lianinha!"),
- aos meus amigos, por existirem e serem pessoas excepcionais e por se darem ao trabalho de me conhecer e gostarem de mim, mesmo assim, defeituosa, e
- aos colegas da Catumbela, por me mostrarem que há coisas que são iguais em todo o lado e que a estupidez não escolhe nacionalidade nem idade, mas apenas género!


... e ainda perguntam porque sou assim vil....
Posted by Picasa

5 comentários:

B. disse...

Agrafadores?! Credo!...

Como um dia, alguém me escreveu (vê lá se adivinhas...):

"Um dia ele chegou tão diferente do seu jeito de sempre chegar, olhou-a de um jeito muito mais quente do que sempre costumava olhar, e não maldisse a vida tanto quanto era seu jeito de sempre falar, e nem deixou-a só num canto, p'ra seu grande espanto, convidou-a para dançar. E então ela se fez bonita como há muito tempo não queria ousar, com seu vestido decotado cheirando a guardado de tanto esperar. Depois os dois deram-se os braços como há muito tempo não se usava dar, e cheios de ternura e graça foram para a praça e começaram a se abraçar. E ali dançaram tanta dança que a vizinhança toda despertou, e foi tanta felicidade que toda a cidade enfim se iluminou, e foram tantos beijos loucos, tantos gritos roucos, como não se ouvia mais.... que o mundo compreendeu e o dia amanheceu em paz!!!
(Valsinha - Chico Buarque e Vinicius de Moraes)

Ele está a chegar......."

PS: E sabes que mais? Chegou mesmo!... Tenho a certeza que um dia acertam na tua morada também.

Lux disse...

alguem que lhe de um mapa please...que eu axo que ele anda perdido...ou entao nasceu na decada errada!!!

Miss U ....

moça disse...

Subscrevo... :S
Deixa lá!
Antes encalhadas
que mal acompanhadas...
(rima e é verdade!)

:D

moça disse...

Subscrevo... :S
Deixa lá!
Antes encalhadas
que mal acompanhadas...
(rima e é verdade!)

:D

filipa disse...

Meu Deus :) que comentários certeiros!