segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Dombe




Sábado foi para visitar o Dombe Grande. Uns colegas foram em trabalho e levaram-me a conhecer um pouco das redondezas de Benguela!
A maior parte do caminho é feita por estradas de terra, aos solavancos, rodeados de uma paisagem mais ou menos deserta, plana, e de vez em quando com imagens que parecem de autênticos oásis, com palmeiras, lagos, cubatas... daquelas que associamos ao cliché do amor e uma cabana... Infelizmente, apesar de eu ter o jeitinho bem conhecido para tirar fotos (perdoem só, ya?), as fotos não conseguem transmitir a beleza deste sítio... só vindo cá, mesmo! Por isso, toca a visitar-me, ok?!?

O resto do dia teria sido passado na praia, não fosse o mau tempo... assim sendo, passeámos pela costa, fiquei a conhecer a Baía-Farta, a Caota, e a Baía-Azul já conhecia...

Domingo sim, estava um tempo óptimo para ir tostar um bocadinho, mas não havia espaço no meio de tanta gente, pelo que nos dedicámos à pesca (literalmente!) - claro que eu, pessoalmente, não pesquei... mas em média pescámos menos que um peixe e mais que meia-dúzia de cucas cada um!

Conclusão: mantém-se a violência habitual ao fim-de-semana, continua a não se aprender nada... e mata-se muito neurónio... tenho que me deixar disto!
Posted by Picasa

4 comentários:

João Barradas disse...

Meia-Dúzia de cucas???

Isso são calúnias!!

moça disse...

Perdão, Sr. Engenheiro! O Sr. deve ter bebido mais de uma dúzia, mas eu disse que, EM MÉDIA, bebemos menos de 1/2... em média.... certo?

João disse...

Continuamos a caluniar....Sim senhora...

Terei de engajar medidas severas, e mover uns contactos e uns coisos...

B. disse...

A estatística é fenomenal! :)